INÍCIO BÍBLIA ONLINE SNT SEPTUAGINTA NOVO TESTAMENTO
AUXÍLIOS BÍBLICOS DICIONÁRIO BÍBLICO TERMOS DE USO
Gênesis Êxodo Levítico Números Deuteronômio Josué Juízes Rute
1 Samuel 2 Samuel 1 Reis 2 Reis 1 Crônicas 2 Crônicas Esdras Neemias
Ester Salmos Provérbios Eclesiastes Cântico dos Cânticos Isaías
Jeremias Lamentações de Jeremias Ezequiel Daniel Oséias Joel Amós Obadias
Jonas Miquéias Naum Habacuque Sofonias Ageu Zacarias Malaquias
1 Macabeus
Mateus Marcos Lucas

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Septuaginta - Sofonias - Capítulo 1

1 A palavra do Senhor que veio a Sofonias, filho de Cusi, filho de Gedalias, filho de Amarias, filho de Ezequias, nos dias de Josias, filho de Amom, rei de Judá.
2 Que a face da terra seja profundamente cortada, diz o Senhor.
3 Que o homem e o gado sejam exterminados; que as aves do céu e os peixes do mar sejam exterminados. Os ímpios desfalecerão, e tirarei os transgressores da face da terra, diz o Senhor.
4 Também estenderei a minha mão contra Judá e contra todos os habitantes de Jerusalém, e removerei os nomes de Baal deste lugar, assim como os nomes dos sacerdotes
5 e dos que adoram o exército do céu sobre os telhados; dos que adoram e juram pelo Senhor e dos que juram por seu rei;
6 dos que se desviam do Senhor, que não buscam ao Senhor e não se apegam ao Senhor.
7 Temei antes ao Senhor Deus, porque o dia do Senhor está perto; pois o Senhor tem preparado o seu sacrifício, e já santificou os seus convidados.
8 E acontecerá, no dia do sacrifício do Senhor, que tomarei vingança sobre os príncipes e sobre a casa do rei, e sobre todos os que usam trajes estrangeiros.
9 Tomarei vingança, abertamente, nos pórticos, naquele dia, sobre os homens que enchem a casa do Senhor seu Deus com a impiedade e o engano.
10 E haverá naquele dia, diz o Senhor, o som de um grito vindo do portão, de homens assassinando, e um uivo desde a segunda porta, e um grande quebrantamento desde os outeiros.
11 Lamentai, vós os que habitais a cidade que foi quebrada, pois todas as pessoas tornaram-se como Canaã; e todos os que foram exaltados pela prata foram completamente destruídos.
12 E sucederá, naquele dia, que Eu irei vasculhar Jerusalém com uma vela, e vingar-me-ei dos homens que desprezam as coisas que lhes são confiadas. Entretanto, eles dizem em seus corações: "O Senhor não irá fazer nenhum bem, nem fará Ele mal algum.
13 Mas o seu poder será por despojo, e as suas casas para total desolação; edificarão casas, mas não habitarão nelas; plantarão vinhas, mas não beberão o seu vinho.
14 Pois o grande dia do Senhor está perto, está perto e vem mui rápido; o som do dia do Senhor é amargo e áspero.
15 Um poderoso dia de indignação é aquele dia, um dia de aflição e de angústia, dia de desolação e destruição, dia de escuridão e trevas, dia de nuvens e vapor;
16 um dia de trombeta e de clamor contra as cidades fortes e contra as torres altas.
17 Afligirei grandemente os homens e eles andarão como cegos, porque pecaram contra o Senhor. Portanto, Ele irá derramar o seu sangue como pó, e a sua carne como esterco.
18 A sua prata e o seu ouro não serão, de modo algum, capazes de salvá-los no dia da ira do Senhor, porém toda a terra será consumida pelo fogo do seu zelo. Pois Ele irá trazer uma rápida destruição sobre todos os que habitam a terra.

Nenhum comentário: